Efusão


Foto: Ogirdorock
.
.
EFUSÃO
(Rita Costa)
.
Há muito venho sorvendo
as aflições da noite,
roendo a alma nos dedos,
em cada névoa que leio.
Faz tempo
que ensaio palavras
(razões concretas e abstratas),
queimando poemas
pelo ar.

Mas que fazer?...
se há a certeza
que no olhar se perpetua;
se nem mesmo
ela evapora
no sobressalto das horas.
Meu viver
é um verso e outro
por linhas já definidas;
ainda que o reflexo do sol
projete toda a distância
desse mar,
a correr
na solidão no cetim.
.
.
.

14 comentário(s):

InNomine disse...

Oscar Wilde teria dito: "o mistério da vida está na arte".

Lendo seu belo poema, percebi o que é significativo para mim. É... Mr. Wilde tem razão! :)

Parabéns!

Carpe diem!!
Pierre Navega

Everaldo Ygor disse...

E o Mar em seu movimento eterno...
Sempre renascendo... Movimentando toda essa poesia...
Belo poema, belo blog...
Everaldo Ygor
http://outrasandancas.blogspot.com/

AnaLua disse...

Ficou muito bonito esse espaço, leve...Um beijo!

alexandre disse...

Rita. Desculpe a demora em te responder, mas só hoje percebi que havia um comentário esperando moderação (e este tipo de trava eu não coloquei no blog). De qualquer maneira vamos sim fazer essa parceria. Vou colocar o seu e do André lá na fábrica...e voltarei aqui mais vezes!
Abraços.

Juliana Cintra disse...

Lindo, lindo, lindo!

Me vi em suas palavras...

bjux

Fênix.

André L. Soares disse...

Oi meu amor,... bom saber que o blog já está novamente aberto aos comentários. E bom também que tenha postado aqui, para reinaugurar o espaço, esse poema lindo que adoro. Beijusssssssssssssss!!!

Roberta disse...

Olá Rita! Atualizei seus links!

Um abraço!

Márcia Sanchez Luz disse...

Oi, Rita
Cheguei a ficar preocupada, pois sempre que clicava em seus links aparecia: "A página não existe".
Obrigada por me visitar. E já vamos trocar links, sim. Já vou adicioná-la.

Beijos,
Márcia

Lusófona disse...

Oi Rita!! Vim apreciar a casa nova =0)

Adorei reler esse poema, pois gosto muito.

Beijinhos Poetisa

Alexandre disse...

Belíssimo poema menina!
Bjs.

Vera Carvalho disse...

Suavemente belo! Deslizei!
Rita, o seu novo espaço está lindo! Lamento que tenha perdido os anteriores, mas tudo se renova e as suas linhas uma vez traçadas jamais se esquecerão.
Um grande abraço!

Dolores. disse...

A poesia Efusão é linda.
Parabens!!!!!

José Oliveira Cipriano disse...

Oi, Rita!
Que poema lindo!
Gostei de seu blog: muito maneiro!
Parabéns!
Um abraço,

Oliveira

Saramar disse...

"Meu viver é um verso e outro..."
Entre todos os versos lindos, o que traduz o poeta é justamente esse ser na palavra...

Lindíssimo poema!

beijos

0

Em defesa dos Direitos Autorais, a Lei Federal 9.610/98 proíbe expressamente: a) uso comercial dos textos, sem autorização do autor; b) alteração ou criação de obras derivadas; c) exposição dos textos, sem a citação do nome do autor.